UFOTVONLINE - Notícias de outro mundo

Humanos na Pré-história 250 Milhões de anos.

Algumas descobertas arqueológicas recentes podem causar uma revolução na História da raça humana. Vários artefatos e fósseis antigos sugerem que a humanidade é muito mais antiga do que se supõe. Os registros mais antigos são de pegadas aparentemente humanas que datam de 250 milhões de anos atrás.

Segundo a Ciência Acadêmica, a vida surgiu há 3,5 bilhões de anos, na forma de bactérias e pouco depois algas. Mariscos e Moluscos surgiram posteriormente, por volta de 500 milhões de anos. Mais alguns anos de evolução e surgiram peixes e logo depois anfíbios. Os répteis só apareceram no planeta a 360 milhões de anos, quando os dinossauros se espalharam pelo Planeta Terra. Seu domínio extende-se até aproximadamente 65 milhões de anos atrás, quando eles desapareceram repentina e misteriosamente. Os mamíferos, por sua vez, teriam surgido somente por volta de 3 milhões de anos atrás. A humanidade, como civilização, teria apenas 45 mil anos, segundo a Ciência da Arqueologia.

Fotografia de um conjunto de pegadas fossilizadas descobertas em Paluxy, Texas, EUA. Neste conjunto, haviam pegadas de dinossauros e pés humanos que foram impressas na mesma época a aproximadamente 200 milhões de anos.Algumas descobertas arqueológicas recentes podem causar uma revolução na História da raça humana, pois  vários artefatos e fósseis antigos parecem sugerir que a humanidade é muito mais antiga do que se supõe. Os registros mais antigos datam de 250 milhões de anos atrás. Dentre estes registros os que causam mais espanto são as chamadas pegadas fossilizadas. Algumas são tão antigas que datam da época em que os dinossauros começaram a espalhar-se pelo Planeta Terra. A maioria destas descobertas não é conhecida da população mundial por ainda estarem em estudo. Neste artigo apresentaremos algumas destas descobertas.

Segundo a Ciência Acadêmica, a vida surgiu há 3,5 bilhões de anos, na forma de bactérias e pouco depois algas. Mariscos e Moluscos surgiram posteriormente, por volta de 500 milhões de anos. Mais alguns anos de evolução e surgiram peixes e logo depois anfíbios. Os répteis só apareceram no planeta a 360 milhões de anos, quando os dinossauros se espalharam pelo Planeta Terra. Seu domínio extende-se até aproximadamente 65 milhões de anos atrás, quando eles desapareceram repentina e misteriosamente. Os mamíferos, por sua vez, teriam surgido somente por volta de 3 milhões de anos atrás. A humanidade, como civilização, teria apenas 45 mil anos, segundo a Ciência da Arqueologia.

Algumas descobertas arqueológicas recentes podem causar uma revolução na História da raça humana, pois  vários artefatos e fósseis antigos parecem sugerir que a humanidade é muito mais antiga do que se supõe. Os registros mais antigos datam de 250 milhões de anos atrás. Dentre estes registros os que causam mais espanto são as chamadas pegadas fossilizadas. Algumas são tão antigas que datam da época em que os dinossauros começaram a espalhar-se pelo Planeta Terra. A maioria destas descobertas não é conhecida da população mundial por ainda estarem em estudo. Neste artigo apresentaremos algumas destas descobertas.

1) as pegadas são reais. Não são fraudes ou marcas de erosão.
2) a hipótese de ter sido impressa por um anfíbio gigante não é tão estranha quanto parece.

- Mount Victória, Estados Unidos

Em Mount Victória, também nos Estados Unidos, foram descobertas pegadas humanas gigantes medindo 59 x 18 cm, indicando um peso de 250 kg.

- Antelope Springs, Delta, Utah, Estados Unidos

Em 3 de junho de 1968, William Meister e Francis Shape descobriram pegadas calçadas em Antelope Springs, próximo a Delta, no estado de Utah, (EUA). Elas mediam 32,5 x 11,25 cm. O interessante destas pegadas é que elas esmagaram um trilobite, no momento em que foram impressas, sendo que o trilobite está extinto a 240 milhões de anos!

- Carlson, Estados Unidos

Em 1882, prisioneiros da cadeia da cidade de Carson descobriram acidentalmente pegadas fossilizadas, com aproximadamente 55,88 centímetros cada uma. Logo surgiram outras descobertas no mesmo local. Todas as marcas identificadas eram de pés calçados, e datavam de 5 milhões de anos.


- Lago Langebaan, África do Sul

O geologista sul-africano David Roberts, descobriu três pegadas humanas (ao lado) fossilizadas na região do Lago Langebaan, ao norte da capital Cape Town. Cientistas consideram que estas pegadas, que possuem aproximadamente 117.000 anos são as mais antigas relacionadas ao homem moderno.


- Montanhas Robledos, Novo México

Em 1987, o paleontologista Jerry MacDonald descobriu várias pegadas fossilizadas de diferentes espécies de animais, incluindo seres humanos, em uma camada de rocha originada no período Siluriano, uma época entre 290 e 248 milhões de anos atrás.

Fonte:http://www.caixadepandora.xpg.com.br